[Crítica]- Caçadores De Emoção- Além Do Limite

0


322964

Você faria de tudo para alcançar seu Nirvana espiritual? Essa pergunta que o filme Caçadores de Emoção te faz, um remake do grande filme com o mesmo nome de 1991 aonde consagrou a vida artística de Keanu Reeves. Mas esse novo reboot não consegue honrar em quase nada seu “pai”.

Não estou dizendo que o filme é ruim, ele tem algumas cenas até que legais,  entretanto a maioria do filme não tem sentido, você acaba se perdendo do filme. Outra coisa que acaba afetando o longa é que o os personagens não tem motivação nenhuma para seus atos ao longo do filme.

O roteiro é razoavelmente bom, ele traz alguns aspectos do filme original e acaba mudando em outros (algumas mudanças que até não podem agradar muitos os fãs originais). Mas o roteiro possui muitos furos que nem depois de 2 horas de filme você consegue entender.

Os efeitos especiais até que são bons, achei que deveriam explorar mais o 3D junto ao VFX (efeitos especiais), claro que isso não foi um ponto negativo no filme, fora disso as poucas cenas que são usadas os efeitos são muito boa.

Já as atuações são bem franquinhas, a maioria dos atores não conseguiram explorar seus personagens como deveriam ter feitos. Quem conseguiu me surpreender em sua atuação foi o Luke Bracey ( Johnny Utah).

Recomendo que todos os fãs do filme original dêem uma chance a esse remake, ele não é tão bom quanto o original mas consegue dar uma nostalgia. E os que não conheciam o filme ta ai um bom lugar para começar.

Veja o trailer legendado abaixo:

Um jovem agente do FBI (Luke Bracey) tem como missão se infiltrar em meio a atletas de esportes radicais, suspeitos de cometerem uma série de roubos nunca vistos até então. Não demora muito para que ele se aproxime de Bodhi (Édgar Ramirez), o líder do grupo, e conquiste sua confiança.

Caçadores de Emoção- Além Do Limite chega em 4 de fevereiro nos cinemas brasileiros

66% BOM
  • Atuação 60 %
  • Efeitos Especiais 70 %
  • Enredo 70 %
  • Fotografia 80 %
  • Roteiro 50 %

Compartilhe.

Sobre o Autor

Amante cinematográfico, adorador de música, games e viciado em Star Wars, um amor que nunca será entendido. Em seu tempo livre gosta de comer, ler e ficar procurando um jeito de viajar para uma galáxia muito distante.