Steve Rogers irá voltar a viver o Capitão América nos quadrinhos

0

Capitão América

Depois de passar seu cargo de Capitão América para seu amigo Falcão, o nosso tão amado Steve Rogers irá voltar ao seu cargo de líder dos Vingadores. Isso foi confirmado depois de uma entrevista com Nick Spencer e Jesus Saiz feita pela Marvel. Confira:

Marvel.com: Apesar de Steve Rogers não ter realmente deixado o palco, nós temos visto ele em um papel diferente, tanto na atual revista Capitão América e nos Vingadores ; ele faz o papel de um general mais antigo aconselhando as tropas. O que muda para Steve para trazê-lo de volta para os “linha de frente”, por assim dizer?

Nick Spencer: Sem estragar muito da surpresa, nesta fase inicial, algo acontece e Steve teve que voltar , que obviamente vai afetar grandemente a sua própria missão e sua posição dentro do Universo Marvel. A maior parte disso? Ele é o Capitão América, mais uma vez.

Marvel.com: O que significa o retorno de Steve para seu ex-parceiro? Sam Wilson vai voltar a ser o Falcão, ou teremos dois Capitães Américas?

Nick Spencer: Significa que teremos dois Capitães Américas. Quando Steve entregou o escudo para Sam, ele não veio com quaisquer advertências. É dele. Steve respeita e admira o que seu antigo parceiro está fazendo, e quer que ele continue. Há problemas suficientes lá fora, e vários caras maus, para manter ambos ocupados. Eles vão ter muitas missões diferentes; Sam vai continuar lutando contra os inimigos que ninguém mais vai chegar perto, enquanto isso Steve é confrontado com uma ameaça ressurgente de seu passado: A Hydra está de volta, e mais forte do que nunca.

Para mim, é ótimo, porque eu começo a fazer dois tipos muito diferentes de histórias do Capitão América. Se você está gostando do que estamos fazendo em Capitão América: Sam Wilson, nós temos muito mais do que vocês estão vendo ;mas se você está olhando para esse clássico, o único que está mergulhada na grande geração com o Capitão América lutando contra o rosto do verdadeiro mal. Eu acho que eles vão se complementam muito bem.

SamFalconCaptainAmerica

Marvel.com: Por que agora é o momento certo para Steve voltar a pegar no escudo ?

Nick Spencer: O país esta dividido como jamais foi, e Steve é uma figura unificadora, alguém que todos nós podemos olhar, é alguém que todos nós podemos colocar nossa fé . Não é nenhum segredo do Universo Marvel está prestes a entrar num período de grave conflito com a 2º Guerra Civil que já está batendo na porta, e com tal, parece que o momento perfeito para trazer Steve de volta para a luta.

Marvel.com: De uma perspectiva de desenho do personagem, Jesus, o que devemos esperar do novo título? Será que vamos estar vendo Capitão “clássico”? E você pode tanto falar sobre o “novo escudo”?

Jesus Saiz: O redesenho do Capitão foi criado pelo magnífico Daniel Acuña, e ele realmente é um desenhista incrível. É muito moderno e, ao mesmo tempo perfeitamente identificáveis ​​como Capitão América, à primeira vista. Ele tem todos os elementos clássicos que você esperaria encontrar no uniforme do personagem, mas atualizado em uma maneira muito inteligente.

E a maior parte é o escudo, de fato! Sua forma é semelhante ao escudo original do Capitão que ele usou na década de 1940, a um pontudo, mas este tem duas inovações principais: sua ponta pode implantar uma “lâmina de energia”, de modo que o Capitão pode cortar coisas que ele vê pelo caminho, e o escudo pode ser dividido em dois, então Steve pode usar as duas metades, uma com cada braço. Ambas as modificações nos ajudará a ver um conjunto completamente diferente de movimentos para o Capitão América, movimentos que ninguém nunca viu o Steve usar antes, em termos de combate corpo-a-corpo.

Eu sei que as mudanças no traje de um personagem clássico são sempre controversas entre os fãs, mas estou convencido de que vamos todos cair no amor com o trabalho de Dan!

0,,21092644-FMM,00

Nick Spencer: Tom Brevoort, (vice-presidente sênior da Marvel e Editor Executivo) e eu conversamos muito sobre o novo escudo; nós dois somos fãs do clássico escudo da Idade de Ouro, e este novo desenhista ,Daniel realmente capta essa vibe, ao mesmo tempo, a introduz alguns novos recursos interessantes.

Marvel.com: Eu também ouvi que Steve tem uma nova missão e uma equipe com ele. O que será que Steve esta fazendo, e com quem ele estará trabalhando?

Nick Spencer: Embora alguns destes são detalhes que temos de segurar por enquanto, Steve ainda tem Sharon Carter ao seu lado, para não mencionar um par de outras faces de seu passado que fazem adições muito divertidas a história. E ele vai continuar a liderar o pelotão dos Vingadores.

Marvel.com: Jesus, eu acredito que este é o seu primeiro trabalho regular para Marvel. Como tem sido para você, trabalhar com um dos personagens mais antigos?

Jesus Saiz: A verdade é que na minha infância e anos de adolescência, eu sempre fui um leitor da Marvel. E nos 15 anos que tenho vindo a trabalhar para na indústria de quadrinhos americana, eu nunca tive a chance de trabalhar com os personagens da Marvel, então eu tinha perdido o contato com a continuidade Marvel. Eu não estava realmente atualizado com o que estava acontecendo no Universo Marvel, e isso é uma coceira que eu precisava fazer parar! Eu teria amado trabalhar com qualquer um dos ícones da Marvel, honestamente, mas a minha esperança era que eles me ofereceram um personagem que eu conhecia como um leitor.

Então você pode imaginar o quão feliz eu fiquei quando Tom me ofereceu  o Capitão América, e não é qualquer Capitão, mas o original! Este ano é o seu 75º aniversário, então eu gradualmente percebi que não me ofereceram “apenas mais um quadrinho”, mas um muito, muito mais relevante do que eu esperava. Meus dois pensamentos mais recorrentes nos dias de hoje são: “Por que eles oferecem isso para mim?” e “Não irei estragar!”

Marvel.com: Nick, você escreveu a fase de Sam Wilson no papel de Capitão, mas como foi escrever com o original?

Nick Spencer: Eu tive a oportunidade de escrever histórias do Steve algumas vezes já na Marvel, e ele é apenas um dos meus personagens favoritos para contar histórias. A chave para ele é sempre se reconectar com aquele garoto no Lower East Side; filho de imigrantes que se levantou às intimidações e faria qualquer coisa para servir o seu país. Ele é um símbolo que carrega uma enorme quantidade de peso, uma representação da melhor parte de nós, mas começa com ele como ser humano, esforçando para ser digno de tudo isso.

Estou animado com o que vai acontecer com ele; é realmente uma das maiores histórias, talvez, o maior da minha carreira. E isso não é apenas hype! Temos algumas coisas incríveis planejadas. Entre o aniversário e “Capitão América: Guerra Civil”, este é realmente o ano de Steve. Queremos fazer mais do mesmo.

Confira a capa da primeira edição da nova fase do Capitão América:

569e646046152

Clica que aumenta!

 

A volta de Steve Rogers aos quadrinhos ainda não tem uma data revelada.

Via Marvel


Compartilhe.

Sobre o Autor

Amante cinematográfico, adorador de música, games e viciado em Star Wars, um amor que nunca será entendido. Em seu tempo livre gosta de comer, ler e ficar procurando um jeito de viajar para uma galáxia muito distante.