Escritório é decorado com imagens de Star Wars feitas com bilhetinhos

0

star-wars-post-it-murals-149644

Sabe aqueles bilhetinhos coloridos que você tem em casa? Aqueles que você escreve alguma coisa e gruda nas paredes para dar mais visibilidade? Pois é, encontraram um outro uso muito interessante para esses utilitários.

Nos escritórios de uma fornecedora multinacional (parte da Office Depot), a Viking, podemos ver Darth Vader, R2-D2, Yoda e um Stormtrooper, com aparência “8-bit” nas paredes que dividem duas áreas do estabelecimento. As gravuras foram feitas todas por intermédio destes bilhetinhos, colados nas paredes de forma a construir as imagens. As equipes que trabalham no local já estão acostumadas com oportunidades de criar arte nestas paredes, mas a criação de arte com bilhetinhos é novidade para elas.

O processo

Em uma postagem feita no blog do site oficial, a Viking descreve o processo de criação da arte. Primeiro, os artistas precisaram calcular quantos bilhetes caberiam no espaço que as paredes oferecem, através das dimensões dos bilhetes e da parede. Por matemática simples, determinaram que as ilustrações teriam 25 bilhetes na horizontal e 33 na vertical.

Após definir as dimensões, foi a hora de criar os desenhos em si. Tudo foi tratado como pixel art (os bilhetes, evidentemente, são os pixels, e as imagens são como figuras de 25×33 pixels), e a equipe teve que se preocupar em escolher os personagens cujas paletas fossem consistentes com as cores de bilhetes disponíveis; personagens como Chewbacca e C3PO foram rejeitados por este motivo. Por fim, foi feita a colagem dos bilhetes; como as paredes eram todas feitas de quadro branco, foi possível se traçar linhas auxiliares com caneta. Quatro pessoas, cinco horas e mais de 3500 bilhetes foram necessários para a realização do pequeno projeto.

Inspiração

Não é a primeira vez que bilhetes são usados para decorar escritórios: a equipe se inspirou nesta iniciativa em qual um escritório em San Francisco foi decorada com super-heróis.


Compartilhe.

Sobre o Autor

Rafael Ferreira

Engenheiro, gamer, headbanger e assistidor de anime. Também é compositor e produtor como passatempo.