Gaming do Brasil não distribui mais os jogos da Nintendo no Brasil

1

nintendo_logo

A empresa que fez a distribuição dos títulos da Nintendo durante os últimos anos está “abandonando o navio”.

“O Brasil é um mercado importante para a Nintendo e lar de fãs apaixonados mas, infelizmente, desafios no ambiente local de negócios fizeram nosso modelo de distribuição atual no país sustentável”, disse Bill van Zyl, Diretor e Gerente Geral para a América Latina da Nintendo of America.

Obviamente vemos como o governo realmente atrapalha as negociações e dificulta para a expansão de mercado e livre comércio. Isso procede desde as altas taxas por programas sociais até o protecionismo com o argumento de “expansão do mercado nacional”.

A Gaming do Brasil é subsidiária da empresa Juegos de Video Latinoamérica, Gmbh, que irá manter a distribuição de jogos da Nintendo para a América Latina, segundo a citação: “Somos parceiros da Nintendo da distribuição de seus produtos na América Latina há 14 anos e continuamos com a marca. E, enquanto nenhuma mudança esteja planejada para outros mercados da região, estamos em uma posição em que precisamos reavaliar nossa abordagem na distribuição no Brasil”, explica Bernard Josephs, CEO da Juegos da Video Latinamérica, Gmbh, em comunicado oficial.

Fonte: Press Release


Compartilhe.

Sobre o Autor

Lucas Hinz

Compositor independente, fascinado por jogos e estuda por lazer, trabalha com fluxos formalmente e pretende se tornar diretor fonográfico.