Conheça o Infanto, o mais novo console pirata do Brasil!

15

 

Já pensou em jogar 6000 jogos, ter um aparelho do tamanho do celular e ter mais de 10 Consoles diferentes? Esse é o Infanto, o mais novo console brasileiro pirata.

O novo console é baseado (aparentemente) no RetroPie Project(Clique para ir ao site), um projeto baseado em Raspberry PI, que transforma o Raspberry em um RetroConsole. No projeto, diz que você consegue emular todos os consoles da 5º geração para baixo. Já o Infanto é limitado a alguns consoles, como você pode ver abaixo:

  • Atari
  • Game Boy
  • Game Boy Color
  • Mame : Fliperama : Arcade
  • Capcom : Fliperama : Arcade
  • Sega Master System
  • Sega Genesis (Megadrive)
  • Neo Geo
  • Nintendo
  • Super Nintendo
  • TurboGrafx-16

Além disso, em conjunto ao Infanto, você tem duas réplicas escancaradas do DualShock (No anúncio, está como DuaLogic), cabos HDMI e uma resolução de 720 Pixels, e que vamos dizer não é ruim para um console caseiro.

Ainda não é possível adicionar games, ao novo console, mas o anunciante garante que em breve terá jogos do N64 e do “Dream Quest” (Já da para desanimar aí não?)

Lembrando que Pirataria é Crime! E de acordo com a Lei Brasileira, você só pode ter uma ROM, caso esta seja uma cópia de salvaguarda para o seu jogo. Já a Nintendo proíbe baixar Roms  de qualquer jogo, para qualquer efeito. Mas parece que o criador do console não liga muito para isso certo?

infanto-video-game-multiplataforma-e-multijogos-6000-jogos-21270-MLB20205817691_122014-F

Tio, eu não ligo para a Pirataria, onde eu  posso comprar o “VideoGueime”

Até pouco tempo atrás, ele estava a venda pela pequena bagatela de R$ 600,00 no Mercado Livre (Clique para ir ao Anúncio). Entretanto, o anuncio foi encerrado com 4 unidades vendidas.

Por mais que o projeto seja engenhoso, e seria bacana ter 6000 jogos antigos rodando em casa, é uma pena saber que nossa realidade ainda permita que consoles assim surjam. Talvez se os impostos e a tributação fossem menores, quem sabe essa situação não fosse diferente…

Via Youtube/Mercado Livre/ PetRock Blog


Compartilhe.

Sobre o Autor

Douglas Amaral

Um cara que gosta de Tecnologia, cultura Oriental e é muito curioso. Gosta bastante de Dragões, e Batata frita. E por isso não vai viver por muito tempo!

  • Alex Mota

    Acho que você quis dizer “Dreamcast”

    • Eduardo Felisberto

      É que o cara que fez esse “Infanto” disse que em breve haveriam games para “Dream Quest”. O autor cita ainda que o fato do desenvolvedor chamar o console pelo nome errado é “de desanimar”. Preste atenção ao texto amigo.

      • Alex Mota

        Verdade. Falha minha. Obrigado!
        🙂

      • Kraig

        Dream Quest era a pronúncia do console para quem tinha… de uma forma errada claro, muitos amigos meus pronunciavam dessa maneira, talvez o cara que fez o mini console aí fosse um desses…

  • Não adianta ser irônico por terem errado o nome do Dreamcast e chamar os controles do PlayStation de “DualShocker”

    • Luiz

      Direitos Autorais sobre a marca Dualshock….

  • LKS

    Meu Xbox foi 620 ,roda todos emuladores ,tenho 4000 jogos de
    emuladores,incluindo ps1 e n64,baixei um pack com todos eles e muitos
    vieram em português,não precisei baixar um por um,e ainda tenho 100
    jogos de Xbox 360 e xbox clássico,rodando tudo em 720p pelo hdmi ,não vale a pena ;D

    • Luís Gabriel Nascimento Simas

      E aonde você os baixou ou comprou?

      • LKS

        procure por ´´ super collection 7.784 games “ no google clica no primeiro resultado,é uma iso,e so emular com daemoontool ou gravar em dvd

  • Andersön Silva

    Prefiro rodar tudo isso no Dingoo mesmo

  • Ricardo Wagner

    flipererama é comigo mesmo,gostei dessa porra

  • Jorge Santos

    Não creio que seja uma questão de “pirataria pelos altos tributos”, mas sim uma forma de compactar todos os jogos antigos favoritos em um único aparelho.

  • Marcos

    Tem que desconhecer muito a lógica do mercado do entretenimento eletrônico pra por a culpa da pirataria e altos preços desses produtos nos impostos. Bora procurar umas fontes ‘não-viciadas’ e estudar um pouco antes de fazer jornalismo baseado no senso comum.

    • Para você, aonde está a culpa então?

    • Bodepreto

      a culpa está na ganancia das softhouses e na margem de lucro de qualquer loja que sempre é maior que 50%.