[Análise] Alibaba e seu possível console

0

ali-baba-logo-4

O Alibaba pode estar entrando no mercado de consoles, lançando o mesmo na China. Vale ressaltar que a mesma está em ascensão em países como Estados Unidos, Rússia e Brasil e dinheiro parece não ser problema, já que há pouco tempo a empresa realizou a maior oferta pública inicial da história, arrecadando US$ 21,8 bilhões na Bolsa de Valores de Nova Iorque (NY).

Importante salientar que no site Recanto do Dragão, uma informação foi mostrada noticiando que a AMD está trabalhando para um hardware e teremos um anúncio em 2016. A empresa está trabalhando para competir diretamente com as três empresas de peso que nós conhecemos hoje e que nos leva à margem de que a AMD pode estar trabalhando para esse possível console que poderá ser lançado logo em 2016, o que fortalece o rumor. Isso de acordo com a gerente da Niko Partners, Lisa Cosmas Hanson.

A China, país comunista na qual ficou 15 anos sem lançamentos oficiais de console devido à proibição, apenas de forma fechada com a Nintendo e de forma diferente do mercado geral. Só teve perspectivas de mudanças para anúncios oficiais recentemente, tanto para o PlayStation 4 como para o Xbox One.

Fonte: VentureBeat

Análise interna:

A primeira questão que gostaria de ressaltar é que a mesma deseja competir com as três grandes, sabendo que as três possuem um software próprio para ter melhor controle e lançar atualizações de firmware, mas segundo rumores de algumas pessoas, o mesmo seria lançado com Android como seu sistema. Já que ela quer competir com o mercado atual, como ela manteria a proteção do seu console, como iria lançar seus softwares e atualizações e como ela iria ter controle de seu sistema?

A segunda questão vai para os jogos, pois sabemos que a China é extremamente fechada nesse sentido e funciona como uma caixa. Com o console lançado em uma situação hipotética, como eles pensariam em um mercado como um geral sem ficar pensando em abranger apenas seu país? Afinal, estamos sabendo que a empresa está ajudando financeiramente a trazer jogo para a China a princípio, mas novamente para lá. O caso é com a Rovio e o jogo “Angry Birds: Stella”.

E vocês, caros leitores, o que aguardam sobre o suposto novo console?


Compartilhe.

Sobre o Autor

Lucas Hinz

Compositor independente, fascinado por jogos e estuda por lazer, trabalha com fluxos formalmente e pretende se tornar diretor fonográfico.