Cientistas decodificam o cérebro e conseguem ler pensamentos internos

0

Brain-Neuron-Wallpaper-4

Fundamentalmente somos capazes de se comunicar uns com os outros graças a uma outra máquina robusta chamada “Cérebro.” E, assim como qualquer máquina, o cérebro funciona graças a um conjunto fixo de algoritmos. Decodificando os algoritmos do cérebro, permitiria que os cientistas conseguissem ler pensamentos de um indivíduo. Parece coisa de louco não? Mas na verdade, parece que os pesquisadores já são capazes de fazer isso em um nível pequeno. Isto pode parecer impossível, mas não é ficção científica.

Pesquisadores da Universidade da Califórnia estão trabalhando em uma maneira de entender os pensamentos únicos de cada um, e eles só estão a um passo de completar sua tarefa.

Quando você escuta alguém falar, isto nada mais é que o resultado de nosso cérebro interpretando ondas sonoras (que são produzidas quando as partículas se encontram com outra e colidem). Uma vez que alcançam o cérebro, as ondas sonoras ativam os neurônios específicos e os sons são interpretados como palavras (ou, no caso de uma buzina de carro, seria o próprio carro). Recentemente, os cientistas criaram um algoritmo que faz a mesma coisa, mas com a atividade do cérebro em vez de ondas sonoras.

A fim de chegar a uma solução definitiva para traduzir essencialmente pensamentos das pessoas em palavras, os cientistas analisaram a atividade cerebral de sete pessoas submetidas à cirurgia de epilepsia. Os participantes foram convidados a ler um pequeno texto duas vezes; uma vez em voz alta e uma vez em silêncio na sua cabeça. Durante este processo, os cientistas mapearam a atividade cerebral. Eles criaram o mapa usando Eletrocorticografia(ECoG) utilizando leituras de eletrodos implantados nos pacientes.

gene-brain-connection

Uma vez que os cientistas mediram a atividade do cérebro, eles construíram um “decodificador” pessoal para cada paciente, observando claramente quais neurônios estavam reagindo a diferentes aspectos da fala.

Em suma, alguns flashes da atividade do cérebro correspondem a certas palavras. Então, uma vez que os cientistas sabiam quais padrões cerebrais correspondiam as palavras, eles tentaram usar o seu decodificador para ler a atividade cerebral enquanto as pessoas estavam lendo silenciosamente. E surpreendentemente descobriram que eram capazes de traduzir várias palavras que os voluntários estavam pensando.

A equipe agora está melhorando “seus algoritmos”; No entanto, eles ainda têm um longo caminho a percorrer antes que eles criem um decodificador mental perfeito. No fim das contas um decodificador mental pode parecer um pouco sinistro, mas este é um dispositivo que pode ajudar as pessoas paralisadas falar novamente.

E pensar que nosso cérebro nada mais é que um conjunto de algoritmos complexos. Será que um dia seremos capazes de programar ele?

Via From Quark to Quasars


Compartilhe.

Sobre o Autor

Douglas Amaral

Um cara que gosta de Tecnologia, cultura Oriental e é muito curioso. Gosta bastante de Dragões, e Batata frita. E por isso não vai viver por muito tempo!