Você sabe como funciona um Acelerador de Partículas?

0

Aspirador

Você sabe o que significa uma Câmera de Projeção do Tempo? Ou um Impulsionador de Sincrotrão a Prótons? Eu realmente não faço a miníma ideia do que seja isso, e se você não for um Físico muito provavelmente também não sabe. Niklas Roy, vai tentar te ajudar a entender o que significa tudo isso com um Aspirador de Pó e 1000 bolas de espuma!

Lá, em um parque ensolarado, Roy construiu um acelerador de partículas simplificado usando os materiais mais simples possíveis: 150 metros de tubos de plástico, um aspirador de pó para “acelerar” as partículas, e algumas outras coisas, como sensores de movimentos que controlam a coisa toda. O papel mais importante – as partículas – é feito por 1.000 bolas pretas de espuma.

“Como fã de ciência e física em particular, acho uma pena que os aceleradores de partículas atuais tornem a observação das pequenas partículas tão complicada”, escreve Roy em seu website. “Isso deveria ser algo mais acessível para uma audiência ampla.” Tudo o que alguém precisa fazer para ver a máquina em ação é chegar perto dela e colocar a mão perto do sensor de movimentos. Isso ativa o aspirador, que suga e empurra o ar através dos tubos, graças a um mecanismo que alterna a direção do ar.

Um antigo cientista do CERN já visitou a instalação, diz Roy:

Um dos primeiros visitantes acabou sendo um físico teórico que trabalhou no CERN e no LHC. Com ele eu tive uma ótima discussão sobre aceleradores de partículas. Ele me explicou que as partículas dentro do LHC se movem em ambas as direções, a mesmo tempo, separadas apenas por campos magnéticos.

De qualquer forma, isto etá muito longe de ser um LHC. Mas continua sendo muito bacana de ver 😀

Via Gizmodo


Compartilhe.

Sobre o Autor

Douglas Amaral

Um cara que gosta de Tecnologia, cultura Oriental e é muito curioso. Gosta bastante de Dragões, e Batata frita. E por isso não vai viver por muito tempo!